Avalie:
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars 13 voto(s)
Loading ... Loading ...
7 Comentários

Neste podcast, Ricardo explica onde os custos de gerenciamento do projeto devem ser registrados. Ele mostra que, de acordo com pesquisas, os custos de gerenciamento ficam normalmente entre 0,5% e 2% do valor total do projeto e que, embora muita gente considere caro gastar 1% com o gerenciamento em si, quando acontece algum erro devido à falta de gerenciamento adequado, os custos de correção são muito superiores a 1%.

 
[5:49m] Download

(Este podcast também está disponível em Inglês. Ouça a versão em Inglês)

Gerar Relatório PDU

  1. Alessandro Brassanini disse:

    Gostei muito deste postcast, vejo que as empresas no meu ponto de vista tem a visão de ser somente “agil” não levando a sério um gerenciamento de projetos. Como Ricardo falou, depois acaba gastando muito mais para resolver problemas do que se gastasse fazendo um bom planejamento.

    Alessandro Brassanini
    Itajaí – SC

  2. Muito legal esse podcast, pois o custo de administração, ou no caso, gestão do projeto sempre é alvo de críticas e nem sempre é percebido pelo cliente/patrocinador. A maioria de nós sabemos quanto custa administrar, mas quanto custa NÃO ADMINISTRAR? Isso ninguém sabe, ao menos não antes dos problemas e desembolsos extas acontecerem.

    Rodrigo Giraldelli, PMP
    Maringá – Paraná

  3. PM Hut disse:

    Hi Ricardo,

    I think that the cost of project management cannot be expressed in terms of a percentage for all project sizes. I think for smaller projects the percentage is higher…

  4. FRANCISCO TAVARES disse:

    Custo do Gerenciamento PMO

    estimativa 0,5% a 2% ==> 1%
    quanto maior menor o percentual

    econimiza no planejamento e paga caro na execuçao

    cria uma terefa na eap para agregar custo
    ratea com todas a tarefas
    duas eaps – o projeto e a gestao do projeto (simples e compacta)

    o mais importante é priorizar o foco no produto (projeto)

  5. André Cardoso da Silva disse:

    Prezado Ricardo,
    Primeiramente parabéns pelos excelentes post.

    Uma dúvida quanto a este específico.
    Dentro do custo de Gerenciamento de Projeto, está sendo considerado o custo da equipe de Gerência de Projetos? Quero dizer… os recursos de mão de obra.

  6. Marcelo Ferrari disse:

    Quando a fase do projeto adere ao processo e o “sistema” fecha, temos um custo definido e agregado.

    Se isso não ocorrer na minha opinião só temos despesas!

  7. Caro Ricardo,
    Acho que o que sugeriu é alinhado com esta melhor prática do governo britânico,
    o método P3O (Portfolio, Programme and Project Offices), que cita três formas para estimar o custo de gerenciamento de um projeto ou programa.

    (1) Pelo valor e em ordem de grandeza, 3% a 5% do valor (como vocês mencionou por ordem inversa de grandeza).
    (2) Baseado no número de pessoas no projeto (estimativa paramétrica) que GP (e staff PMO dele) irá gerenciar. Aí propõe que a HH de GP seja entre 10% a 3% do HH total do empreendimento (mesma regra anterior se aplica, ou seja, projeto maior % menor).
    (3) E finalmente levantando todo o esforço de HH fazendo EAP só de GP e cronograma e recursos correspondentes (Bottom-Up) e cionverter em FTE (Full-time equivalent) para efeito de orçamento.

Deixe seu comentário ( * itens obrigatórios )

Ressalvar
Nós reservamos o direito de excluir qualquer comentário com conteúdo ofensivo, pejorativo, promocional ou que esteja fora do contexto. Leia a ressalva completa.

Sugira um podcast

Você tem sugestões de temas para futuros podcasts?
Envie a sua e participe!

Pegue o nosso Widget!

Instale o widget do 5" PM Podcast em seu site compartilhe com seus leitores os últimos podcasts de Ricardo Vargas.
Veja as instruções.

Tags populares